5 dicas para otimizar o gerenciamento de estoque da empresa

O processo de organização e controle de estoque de uma empresa deve ser altamente rigoroso, pois é sinônimo de sucesso e crescimento da organização. O gerenciamento de estoque está relacionado à lucratividade do negócio, portanto deve caminhar juntamente com as estratégias de investimento de qualquer empresário.

Inúmeros são os meios de controle utilizados pelas empresas para gerenciar os seus estoques. Para saber qual é o melhor meio de controle, é indispensável ter bem definidas as estratégias de movimentação das mercadorias, a disponibilidade do produto no mercado, a análise de mercadorias em excesso, entre outras formas de gerenciamento.

A seguir, veja cinco dicas para otimizar o gerenciamento de estoque da empresa.

1. Organização

A organização é essencial para adotar as melhores estratégias de estocagem de um produto. Por isso, é importante escolher um ambiente adequado que esteja de acordo com as condições necessárias para o armazenamento do produto, além de avaliar questões como a visualização, a facilidade de acesso e o controle dos artigos.

A segmentação e a padronização também são excelentes formas de organização. Descrevendo os itens e dividindo-os em grupos, de acordo com suas semelhanças, há uma facilitação no controle do estoque. Criando categorias e códigos para cada produto, você tem condições de gerenciar o estoque de forma mais organizada e efetiva.

A organização também deve alcançar o controle de entradas e saídas dos produtos, por meio da anotação dessas informações em um sistema informatizado, como um software de controle de estoque, por exemplo. Esse tipo de alternativa gera mais segurança no controle dos produtos e na movimentação dentro do estoque. A organização é o primeiro passo para quem busca um verdadeiro controle.

2. Planejamento

Quem possui um estoque organizado tem condições de avaliar quais são as medidas que melhor se adequam às suas necessidades. Com isso, é possível estabelecer um planejamento para o estoque.

É possível avaliar, por exemplo, quais produtos têm uma saída maior e quais são menos vendidos. Ainda, pode-se verificar quais desses produtos ficam mais ou menos tempo em estoque em razão da demora nas entregas dos fornecedores ou na produção. Devem-se evitar perdas e falta de produtos.

O planejamento exige a observação e a análise dos dados do estoque para, só então, escolher quais são as melhores medidas a serem tomadas. Preste atenção em sua movimentação de estoque e faça análises baseadas na sua realidade. Adote um planejamento estratégico e atue de forma proativa.

3. Gerenciamento de estoque

Existem várias formas de controlar um estoque e é importante que você conheça todas elas.  É importante que os seus estoquistas tenham conhecimentos sobre as técnicas de controle e possam observar e avaliar qual delas é a mais adaptável à realidade do negócio.

Invista em treinamentos dos seus profissionais de estocagem e esteja sempre disposto a ouvir suas sugestões. Como esses profissionais são os que estão trabalhando diretamente no controle do estoque, sabem indicar o que é melhor para os processos e os resultados.

4. Controle rígido

Um estoque bem gerenciado precisa de um controle rígido por parte dos profissionais responsáveis. Esse é um dos principais segredos de gerenciamento de estoque. Deve haver um controle muito forte da entrada e da saída dos produtos armazenados.

Uma dica é orientar os funcionários para que façam os registros na hora. Quanto mais rigoroso for o controle, mais organizado será o estoque.

5. Software de Business Intelligence

Escolher um software de B.I. é fundamental, pois se trata de um programa que fará análises de múltiplas variáveis envolvendo o estoque — excesso, ou falta, de itens; tempo de ressuprimento, curva ABC etc. — a fim de aperfeiçoar seu gerenciamento. Use a tecnologia a seu favor!

Com essas dicas, você pode ter uma nova forma de ver o seu sistema de estocagem e pensar em novas estratégias para a melhoria no seu gerenciamento de estoque. Assine nossa newsletter e fique por dentro de muito mais informação útil para sua rotina profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *