Tabulação de dados: o que é e como fazer

O sucesso do business intelligence​ no auxílio à maximização de resultados depende de uma série de ferramentas e práticas, que compõem a plataforma e fazem o seu funcionamento. E na base do trabalho – coleta de informações de várias fontes, tratamento e análise integrada delas -, a tabulação de dados tem papel fundamental.

Ela permite que as respostas que são buscadas sejam de fato apresentadas e ainda que insights inesperados ocorram a gestores pelo fornecimento de diagnósticos não alcançados até o momento. Às vezes eles podem sair de locais ou números imprevisíveis, dos quais só a aplicação do BI consegue extrair algo.

Veja agora o que é essa funcionalidade e como utilizá-la no seu negócio para obter tudo o que for possível e útil em suas extrações de informações.

O que é a tabulação de dados e como fazê-la?

Essa forma de analisar tudo que se produz na mineração, cruzando os elementos e suas variáveis. A partir de execuções em formas de cruz, conforme a escolha do usuário, se pode obter feedback, resultados, soluções ou previsões.

Essas respostas não referem-se apenas ao cenário global das informações, pois as conclusões podem ser produto apenas do cruzamento de dois ou mais valores, dispensando os demais quando esse for o objetivo da empresa na análise.

Quais são os benefícios?

A tabulação de dados permite, pela segmentação de cruzamentos parciais, comparar análises obtidas através de dois cruzamentos diferentes e independentes.

Colocaremos agora uma situação hipotética de uma simples coleta de valores de resultados para exemplificar a tabulação simultânea de variáveis.

  Mês anterior Média semanal mês anterior Média diária mês anterior
Vendas Totais R$ 100.000,00 R$ 25.000,00 R$ 3.333,33
Ticket Médio R$ 795,00 R$ 710,00 R$ 833,33
Vendedor A R$ 16.000,00 R$ 4.000,00 R$ 533,33
Site R$ 14.200,00 R$ 3.550,00 R$ 473,33

 

 

 

 

No quadro, podemos relacionar as vendas totais do mês com o desempenho do vendedor A para analisar suas metas e em qual porcentagem dos resultados ele tem atuação. Depois, podemos comparar o produto dessa análise com a porcentagem de participação do site para comparar os custos de ambos e cortar despesas, por exemplo.

Criação de gráficos úteis e inteligentes

É possível basear qualquer estudo ou análise em números e fatos, e depois documentar, mas não é qualquer processo que atinge o nível de eficiência da tabulação de dados no BI.

As informações em business intelligence são organizadas de forma extremamente precisa e consideradas a partir do que pode influenciar no negócio, deixando de lado extrações dispensáveis. A partir disso, o software fornece gráficos com visões de diferentes ângulos dos resultados, além das informações preditivas e da facilitação de insights ao usuário.

O que se perde não utilizando a tabulação no BI?

Pode se perder oportunidades de negócios, bem como deixar de  maximizar receitas.E isso não deve-se apenas ao menor poder da tabulação de dados sem o business intelligence. O mapeamento, a mineração, a escolha e a organização dos dados perde em exatidão, agilidade e inteligência aplicada a fundo e em todos os pontos das informações. E pior do que tabulá-las com menor utilidade e eficiência, é fazer isso com elementos que não sejam totalmente confiáveis e de rápida obtenção – o que ocorre em processos manuais ou obsoletos, sem as funcionalidades e dedicação do BI.

Gostou das dicas? Que tal ficar por dentro de outros tipos de tabulação de dados? Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo periodicamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *